domingo, 18 de novembro de 2012

Possessão, Comentários 8.07 A Little Slice Of Kevin e Saint Seiya Omega 32


Olá pessoas!

E as novas?

Com muito milagre, consegui olhar o filme Possessão [The Possession] como nosso eterno paizão John Winchester, Jeffrey Dean Morgan. E, pode não fazer o estilo de muitas, mas o cara tá pegável. Também tá que nem vinho, cada vez melhor. Oh família Winchester boa! ;)
Se você quer levar sustos, esqueça, esse filme não assusta ninguém. Mas, o roteiro em si é muito bom. Nosso John, ou melhor, Clyde, tem duas filhass e uma delas é possuída após abrir uma caixa antiga. 
Uma vez Winchester, sempre Winchester!

Ele foi quase ao fim do mundo para salvar a filha. Vemos também um exorcismo realizado por um representante do judaísmo ortodoxo, um ritual diferente dos habituais filmes de exorcismo. Eu gostei da história, não é falso documentário, ainda bem, já estava cansada disso!

No último dia 15 foi aniversário da RCC [Rádio Comunitária Caiense], completando 9 anos de existência. Eu, como 'patrimônio' já da emissora, juntamente com os demais colegas tivemos o tradicional almoço e, consequentemente, nossa tradicional foto. Achem-me aí!



SAINT SEIYA OMEGA EPISÓDIO 32

Verdadeiro Medo: A Estranha Aura que Vaga pela Casa de Câncer!

Bem, mostraram alguns lances com Kouga lutando na casa de touro com Harbinger. Nisso Yuna avançou para a casa de câncer. Lembra-se que eu disse que se o cavaleiro de câncer fosse pior que o Máscara da Morte a Yuna estava perdida? Pois é! Parece que Shiller não é exatamente amigável. Enquanto Máscara da Morte colecionava cabeças na saga clássica, Shiller gosta de colecionar corpos. Só mudou de pedaços para partes inteiras. Essas manias dos cancerianos querem colecionar coisas bizarras. E, como era de se esperar, óbvio que o cavaleiro dourado de câncer socou Yuna até não poder mais. Bem preguiçoso, usou os corpos do guerreiros em coma aprisionados na Torre de Babel para lutar contra a amazona de Águia. Ela até deu conta do recado, mas para jogar sujo, ele manda Yuna para a dimensão do mundo dos mortos, igualzinho Máscara da Morte fez com Shiryu na saga clássica. 
Novamente na casa de touro, Harbinger achou que estava com a batalha ganha. Mas, como bom cabeça-dura que é, Kouga queimou seu cosmo ao máximo que conseguiu, deferiu um golpe que fez o cavaleiro de ouro de Touro se ajoelhar com a pancada. Resultado: assim como Aldebaram quando perdeu seu chifre devido ao golpe de Seiya, Harbinger também sentiu seu orgulho ferido e acabou deixando Kouga passar. E ele seguiu, adiante todo torto.
Agora resta saber o que vai acontecer com a Yuna e onde foram parar Souma e Haruto.

SUPERNATURAL

8.07 A LITTLE SLICE OF KEVIN [UM PEDACINHO DE KEVIN]

Olha, levando em consideração os fatos, esse título é totalmente literal. Mas, vamos aos acontecimentos anteriores.
A Sra. Trein é sensacional. É a hunter mais instantânea que já vi em Supernatural. Toda vez que o Kevin sai, ela põe um balde de água benta na porta e Kevin sempre quase se afoga.
A mulher teve a cara de pau de contratar uma bruxa para conseguir o necessário para fazer uma bomba contra demônios. 
Nisso Dean está tendo novamente as lembranças do purgatório, o momento que saiu e deixou Castiel para trás. Mostraram como Dean saiu de lá e eu achei a cena muito boa. Uma das melhores.
Dean passa na estrada e tem a primeira visão do nosso anjo querido.
Enquanto os Winchesters estão investigando sumiço de pessoas aleatórias, Crowley está torturando um anjo, aquele que aparece no leilão da pedra dos demônios, vestido como um jogador de beisebol [no qual Sam pega o martelo de Thor. Agora você lembrou, não é?].
Ele dá a lista de todos os possíveis profetas para Crowley. Um deles assume a função de profeta no momento que o profeta atual morre. Aparentemente Chuck está morto, por isso Kevin assumiu o seu lugar. 
Então, nosso anjo de sobretudo aparece definitivamente para os Winchesters. Ele apenas diz que não se lembra de como saiu do purgatório. 
Bem, graças à bruxa de décima quinta categoria, Crowley encontrou Kevin e passou a torturá-lo para saber o que a pedra diz. E para isso arrancou-lhe um dedinho [por isso o sentido literal do título desse episódio]. Kevin, enquanto ainda tem nove dedos nas mãos começa a ler a pedra para Crowley, enquanto o mesmo sopra um catavento. Não! você não leu errado! Crowley ficou soprando um catavendo! Coisas excêntricas de um demônio afeminado.
Lendo a pedra, Kevin percebe que há uma frase de despedida no final. E, ao que tudo indica, existem outras pedras sobre outras criaturas.
Parece que os Winchesters aprenderam rápido como se faz uma bomba e Sam já a utilizou contra demônios. Dean e Cas encontram Kevin. Dean não consegue abrir a porta [logo ele que é bandidinho de quinta?] e Cas entra. Cas apresenta uma faca de anjo, mas Crowley também tem uma. Cas ameaça usar seu poder e Crowley ainda duvida dizendo que ele está blefando, que ainda está fraco por ter recém saído do purgatório. Mas Cas parece ter um novo poder [que eu achei o máximo] e mostra quem manda no recinto. A pedra se rompe e Crowley leva a metade dela com ele.


Finalmente Cas pede para Dean não sentir culpa por tê-lo deixado no purgatório, aliás ele ficou lá porque quis, por penitência por ter feito tanta coisa errada no céu e na terra. 
De repente Castiel some e vai parar, aparentemente, numa das repartições celestiais. Uma anja chamada Naomi, bem arrogante por sinal, diz que alguns anjos foram sacrificados para tirá-lo do purgatório e ela pede para mantê-la informada sobre tudo o que anda acontecendo e para ajudar os Winchesters. E a cada visita do Cas ao céu será apagada de sua memória. Agora, quem é essa son of a bitch da Naomi que consegue ter esse controle absoluto do nosso Cas? Um Zachariah de saias? Assim não dá. Parece que Kevin e a mãe dele vão ficar sobre a segurança do Garth, o que é praticamente a mesma coisa que nada. E sabem lá no início, que eu disse que a Sra. Trein é uma hunter nata? Pois é, ela capturou sozinha um demônio e foi assim que acharam o Kevin. Ela tá saindo melhor que a encomenda. Agora, vamos ver o que vai ser daqui para frente [Não! Isso não é música de banda EMO!].

Pelegrino virou um brigão! Grudou-se num gato, quase matou o bicho. Eu fui apartar a briga, mas o Pelegrino correu atrás do gato, queria brigar mais. Eu xinguei-o e depois o bichano foi dormir o resto do dia. Por isso que tá sempre com a pata machucada, assim não cura nunca!

Era isso pessoas, deixo para vocês algumas imagens do 8.08 e mais uma frase de Supernatural.

Até a próxima!

o/




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...